Nasceu a HeArt para que a Arte seja de todos para todos

HeArt é um novo projeto social que tem como objetivo principal promover o trabalho de artistas portadores de deficiência, contribuindo desta forma para a sua autonomia e integração.

Para tal, foi criado um espaçoonline, que será utilizado para divulgar e promover os artistas. O site inclui ainda uma loja online, onde poderão ser adquiridos os trabalhos de alguns criadores. Para tal, basta aceder ao site e escolher a peça, que poderá depois ser recebida em casa. O dinheiro angariado será revertido a favor dos artistas e ajudará o projeto a continuar.

Sofia Perestrelo, presidente da HeArt, esclarece que, “ao estarmos a valorizar os artistas e os seus trabalhos, estética e financeiramente, pretendemos contribuir para uma maior inclusão social”. “Centenas de pessoas com deficiência descobrem na arte uma forma de transmitirem as suas emoções, criando peças artísticas de extrema qualidade. Estas pessoas encontram uma enorme dificuldade em posicionarem-se no mercado da mesma forma que a maioria dos artistas. A HeArt pretende dar voz a estas pessoas, ajudando-as na divulgação e comercialização dos seus trabalhos”, acrescentou.

O lançamento desta Associação contou, na passada terça-feira, com a presença do ministro da Solidariedade Trabalho e Segurança Social, Pedro Mota Soares, o presidente da câmara de Cascais, Carlos Carreiras, e Judite de Sousa, madrinha do projeto.

O projeto arrancou com a publicação online de obras de 60 artistas que frequentam a CERCICA – Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados de Cascais, mas a associação pretende alargar o leque de parcerias. Estas deverão ajudar a HeArt na identificação de potenciais artistas, assim como facilitar o acesso às obras. Para além disso, o projeto social pretende ainda aumentar a visibilidade dos artistas através da organização de outras iniciativas, como eventos, exposições e campanhas publicitárias.

 

Impulso Positivo

 

Fonte| http://www.impulsopositivo.com/content/nasceu-heart-para-que-arte-seja-de-todos-para-todos

Poderá também gostar de:Poderá também gostar de: