Centro de Reabilitação Profissional de Gaia encontra-se a recrutar Assistente Social

Serviços de apoio e assistência social aos deficientes militares visando promover a saúde, a qualidade de vida, a autonomia e o envelhecimento bem-sucedido, particularmente dos grandes deficientes, prevenindo a precariedade, o isolamento e a exclusão, em conformidade com o modelo de intervenção previsto no Plano de Ação para Apoio aos Deficientes Militares (PADM).
Os serviços serão prestados em toda a zona sul do país, pressupondo uma articulação com os deficientes militares e suas famílias, com as estruturas de apoio existentes nas Forças Armadas, Delegações da ADFA e outros serviços da comunidade, requerendo assim uma grande mobilidade e disponibilidade para deslocações. A base de apoio à prestação de serviços será sediada em Évora.

• Prestar informação aos deficientes militares e famílias sobre os apoios previstos na legislação aplicável, os serviços a mobilizar e condições de acesso;
• Assegurar a identificação e avaliação das necessidades de apoio dos deficientes militares, no âmbito de intervenção do PADM;
• Elaborar os adequados planos de intervenção contendo de forma integrada os apoios e respostas necessárias para a sua resolução;
• Apoiar os deficientes militares e famílias na mobilização de serviços e respostas para a resolução dos problemas, sejam os específicos, sejam os gerais da comunidade, quando não exista capacidade autónoma para o fazer;
• Assegurar o acompanhamento e seguimento das situações problema para monitorizar a sua evolução e prevenir o agravamento das situações;
• Articular com outros técnicos e instituições;
• Efetuar as deslocações necessárias e adequadas à natureza da prestação dos serviços, a locais de residência das pessoas a apoiar, bem como a outros locais associados aos apoios necessários.

Requisitos:

• Habilitação académica superior em serviço social, com formação técnica e científica consistente e adequada às exigências dos serviços a prestar;
• Experiência prévia consolidada em serviço social;
• Experiência de intervenção com pessoas com diversidade funcional associada a deficiências e incapacidades (fator preferencial);
• Conhecimento técnico dos serviços, programas e medidas de apoio social;
• Competências pessoais e sociais adequadas à prestação dos serviços:
o Forte orientação para o cliente
o Capacidade de análise e resolução de problemas
o Rigor pelo cumprimento de planos de trabalho
o Proatividade e espírito de iniciativa
o Organização e gosto pelo trabalho em rede
o Assertividade e empatia
• Conhecimento avançado das ferramentas MS Office;
• Apresentação cuidada;
• Carta de condução de ligeiros e disponibilidade para deslocações.

Envie a sua candidatura acompanhada de CV, por e-mail para o endereço:
candidaturas@crpg.pt

Data limite para receção de candidaturas: 2021.01.17

Só os candidatos selecionados serão contactados.

Poderá também gostar de:Poderá também gostar de: